Projetos

GEOTHERMICA
Contrato nº 731117
Tipo: Horizonte 2020 | ERA-NET Cofund
Duração: 60 meses (01/01/2017 - 01/01/2021)
Estado: Em Curso
Coordenador: OS - Orkustofnun, Islândia.
Consórcio:

OS – Orkustofnun (Islândia)
RVO NL – Rijksdienst voor Ondernemend Nederland (Holanda)
SFOE – Swiss Federal Office of Energy (Suiça)
MIUR – Ministero dell’Istruzione, dell’Università e della Ricerca (Itália)
Jülich – Project Management Jülich (Alemanha)
ADEME – French Environment and Energy Management Agency (França)
RANNIS – Icelandic Centre for Research (Islândia)
TUBITAK – Scientific and Technological Research Council of Turkey (Turquia)
MzI-DE – Ministrstvo za infrastrukturo (Eslovênia)
FRCT – Fundo Regional para a Ciência e Tecnologia (Açores – Portugal)
MINECO – El Ministerio de Economía y Competitividad de España (Espanha)
DGEG – Direção-Geral de Energia e Geologia do Governo de Portugal (Portugal)
EUDP – Energistyrelsen (Dinamarca)
UEFISCDI – Unitatea Executiva pentru Finantarea Invatamantului Superior, a Cercetarii, Dezvoltariisi Inovarii (Romênia)
VEA – Vlaamse Energieagentschap (Bélgica)
MEDDE – Ministère de l’Environnement, de l’Energie et de la Mer (França)
CDTI – Centro para el Desarrollo Tecnologico Industrial (Espanha)
GSI – Communications, Climate Action and Environment (Irlanda)

Objetivo do projeto:

O objetivo do GEOTHERMICA é combinar os recursos financeiros e o conhecimento especializado de 17 entidades gestoras de programas de investigação e inovação em energia geotérmica oriundos de 14 países. Com o apoio financeiro da Comissão Europeia, este projeto está a lançar convocatórias que demonstram e validem novos conceitos da implementação da energia geotérmica dentro do sistema energético, e que identifiquem caminhos para a comercialização em grande escala.

O FRCT tem um projeto aprovado, com uma equipa regional, no valor de 100 mil euros:

HEATSTORE (High Temperature Underground Thermal Energy Storage) – visa estudar o Armazenamento de Energia Térmica no Subsolo e pretende constituir um impulso para a transição energética e para a diminuição da pegada do carbono ao desenvolver ferramentas e tecnologias para o armazenamento de calor no subsolo. Investigador regional responsável, Maria de Fátima Viveiros, membro do Instituto de Investigação em Vulcanologia e Avaliação de Riscos (IVAR/UAC).Valor: 100 mil euros. Início: 01/05/2018| Fim: 30/04/2021.

 

Envolvimento do FRCT :
No âmbito deste projeto, o FRCT espera contribuiu com 100 000 € para a primeira convocatória dos projetos transnacionais. Este apoio financeiro é destinado apenas para entidades I&D sem fins lucrativos, sediadas na Região Autónoma dos Açores que integrem o Sistema Científico e Tecnológico dos Açores (SCTA).
Panorama Financeiro
Orçamento do FRCT
Contribuição do FRCT Contribuição UE Total
211 437,26€104 140,74€315 578€