Projetos

INDICIT II
Indicator Impact Taxa – Implementation of the indicator “Impacts of marine litter on sea turtles and biota” in RSC and MSFD áreas
GA/No/110661/2018/794561/SUB/ENV.C2
Tipo: DG environment | MFSD Second Cycle - Call for Proposals
Duração: 24 meses
Estado: Em Curso
Coordenador: EPHE – Ecole Pratique des Hautes Etudes, França
Consórcio:

HCMR – Hellenic Centre for Marine Research (Grécia)
ISPRA – Istituto Superiore per la Protezione e la Ricerca Ambientale (Italia)
UNEXE – University of Exeter (Reino Unido)
PAU-DEKAMER – Pamukkale University – Sea Turtle Research and Application Center (Turquia)
FRCT – Fundo Regional para a Ciência e Tecnologia (Açores, Portugal)
UVEG – University of Valencia (Espanha)
CNR-IAMC – Consiglio Nazionale delle Ricerche – Istituto per l’Ambiente Marino Costiero (Italy)
INSTM – Institut National des Sciences et Technologies de la Mer (Tunisia)
ULPGC – Universidad de Las Palmas de Gran Canaria (Canarias, Espanha)
MTES – Ministère de la transition écologique et solidaire (França)
DGSCM-SGPM – General Directorate of Sustainability of the Coast and the Sea – Subdirectorate General for the Protection of the Sea (Espanha)

Objetivo do projeto:

Este projeto tem como objetivo capitalizar os resultados do INDICIT no que se refere à networking desenvolvida, aos protocolos e diretrizes padronizados, a recolha de dados padrão definidos e a avaliação dos cenários BEA para o indicador “Litter ingested by sea turtles”. Este projeto pretende ainda identificar os elementos-chave para a implementação de 2 indicadores de monitorização do impacto do lixo marinho “Biota entanglement in debris” e “Microdebris ingestion by biota”.

O INDICIT II tem como objetivos específicos:

  1. otimizar os resultados práticos relacionados com a networking desenvolvida anteriormente, desenvolver ferramentas padronizadas, recolher dados padrão e avaliar o BEA para o indicador “Litter ingested by sea turtles”;
  2. apoiar a implementação dos indicadores “Entanglement of sea turtles, birds, cetaceans in floating debris” e “Micro-plastic ingestion by fish and sea turtles”;
  3. apoiar o próximo ciclo de 6 anos de implementação da MSFD, testando os indicadores (especialmente o mais avançado ” Litter ingested by sea turtles”) em resposta aos PoMs nacionais em várias áreas piloto.

Através do desenvolvimento de conhecimento padronizado para as diversas espécies de fauna marinha, este projeto irá contribuir para fornecer ferramentas integrativas para avaliar os riscos antropogénicos e a distância ao BEA, especialmente no âmbito do Descritor 10. Por último, o projeto visa também promover sinergias com outros programas da UE e a transferência para as autoridades competentes, das quais podemos destacar as autoridades regionais do nordeste do Oceano Atlântico, da Macaronésia e do Mediterrâneo.

Envolvimento do FRCT :
O FRCT é colíder do WP4. Implementation of the indicator “Micro-debris ingested by fish and sea turtles” at the OSPAR and Barcelona RSCs and MSFD areas, com o parceiro ISPRA.
Panorama Financeiro
Orçamento do Consórcio
Contribuição dos Parceiros Contribuição UE Total
329 161€983 531€1 312 691€
Orçamento do FRCT
Contribuição do FRCT Contribuição UE Total
23 193€91 532€114 727€