Projeto Europeu MISTIC SEAS 2 promove cooperação para a biodiversidade marinha na Macaronésia
DATA: 9 Julho, 2018 | HORA: 15:11

No último mês de junho, entre os dias 6 e 11, realizou-se no Faial, Açores, uma reunião do projeto Europeu MISTICSEAS 2 coordenado pelo Fundo Regional para a Ciência e Tecnologia (FRCT) e que responde ao segundo ciclo da Diretiva-Quadro Estratégia Marinha mediante a implementação de programas de monitorização da biodiversidade marinha na Macaronésia, para três grupos funcionais: mamíferos marinhos, tartarugas e aves marinhas.

A reunião que decorreu na Casa Manuel Arriaga contou com mais de 30 participantes incluindo parceiros do projeto e equipas técnicas, formadas por especialistas dos três grupos funcionais e representantes dos Governos das Regiões Autônomas dos Açores, da Madeira e das Canárias, e dos Governos de Portugal e de Espanha.

Durante esta reunião foram realizadas sessões de trabalho orientadas para a análise e a integração das informações produzidas pelas diferentes workpackages do projeto. Os dados levantados pelos programas de monitorização foram discutidos entre os especialistas para a elaboração do documento “Macaronesian Roof Report”. Este documento recolhe a avaliação do estado dos três grupos funcionais, uma atualização das definições do bom estado ambiental e das metas ambientais para a sub-região da Macaronésia. O Macaronesian Roof Report constituirá a base para os Estados-Membros cumprirem as obrigações decorrentes da implementação do artigo 17 da Diretiva-Quadro Estratégia Marinha. Foram discutidas ainda durante esta reunião, as principais metodologias utilizadas na Avaliação de Risco e a sua aplicação para as espécies-alvo analisadas sob a perspectiva de vulnerabilidade, frente às diferentes ameaças potenciais.

Ainda no âmbito desta reunião do projeto MISTIC SEAS 2, no dia 8 de Junho, Dia Internacional dos Oceanos, foram organizadas sessões de disseminação para o público geral. Durante a tarde e em colaboração com o Projeto MARCET e o Projeto INDICIT foram realizadas seis apresentações, as quais abordaram a contextualização geral dos projetos, a monitorização de cetáceos, a vigilância da saúde de cetáceos na Macaronésia, a Rede de Arrojamentos dos Açores (RACA) e a atuação das empresas de Whale Whatching Norte-Americanas. Durante a noite, o Oceanic Café foi o palco para o desenvolvimento de uma ação de educação ambiental e de disseminação do projeto MISTIC SEAS 2, denominada “Café com Ciência”, onde foram discutidas as principais ameaças para a conservação da biodiversidade marinha na Macaronésia bem como as boas práticas associadas. O evento também contou com a participação de especialistas do projeto MISTIC SEAS 2, que compartilharam com o público presente algumas das experiências vivenciadas ao longo do desenvolvimento do projeto.

Finalmente, no dia 11 de junho e no âmbito do Projeto MARCET, foi dinamizada pela DRAM a 2ª jornada de transferência de conhecimento entre projetos MARCET e MISTIC SEAS 2 onde foram abordados os principais desafios para as redes de arrojamento da Macaronésia. Representantes dos projetos MARCET e MISTIC SEAS 2 realizaram comunicações sobre assistência para cetáceos e tartarugas marinhas arrojadas e palestras sobre a recolha de dados biológicos e suporte básico de vida para animais. O encontro contou ainda com apresentações sobre o funcionamento das redes de arrojamentos que operam na região da Macaronésia e uma mesa redonda para a discussão do Protocolo de Arrojamentos da Macaronésia. Ao final da 2ª jornada de transferência de conhecimento foi estabelecida uma agenda para trocas de informações tendo em vista a produção de um relatório técnico para o projeto MISTIC SEAS 2.

  • Fotos