Governo dos Açores quer triplicar captação de fundos externos para financiamento de projetos de inovação
DATA: 9 Outubro, 2019 | HORA: 10:51

O Governo dos Açores pretende triplicar a captação de fundos externos para o desenvolvimento de projetos de inovação no próximo período de programação 2021-2027, passando de 5,4 milhões de euros, no atual Horizonte 2020, para, no mínimo, 16 milhões de euros ao abrigo do Horizonte Europa, o próximo programa-quadro europeu para a Inovação e Investigação.

O Diretor Regional da Ciência e Tecnologia salientou que o Executivo açoriano pretende ainda, simultaneamente, “duplicar o número de entidades envolvidas, passando das atuais sete para, pelo menos, 15 entidades”.

Bruno Pacheco falava, na Lagoa, no segundo dia do evento ‘Ação de capacitação Horizonte 2020 – H2020 Days@Açores’, sobre as oportunidades de financiamento no âmbito do H2020 e do Horizonte Europa.

“O futuro do Sistema Científico e Tecnológico dos Açores (SCTA) passa pela sua internacionalização, pelo que é imperativo que haja um maior envolvimento das unidades de investigação e das empresas neste desígnio, para que promovam a sua integração em redes de âmbito europeu”, frisou.

Para Bruno Pacheco, “a internacionalização é uma forma de testar o que fazemos e de potenciar o conhecimento residente, assumindo-se como a melhor forma de captar financiamentos externos”.

O Diretor Regional acrescentou que a internacionalização “contribui também para a transferência de conhecimento”, defendendo ser necessário o envolvimento de mais empresas e uma maior interligação entre o tecido empresarial e as unidades de investigação.

“Foi com o intuito de garantir uma efetiva internacionalização da ciência que se faz na Região que o Governo dos Açores lançou uma linha de financiamento que apoia os processos de internacionalização de todas as entidades do SCTA”, salientou.

Promovida pelo Fundo Regional para a Ciência e Tecnologia, em colaboração com a Agência Nacional para a Inovação, a ‘Ação de capacitação Horizonte 2020 – H2020 Days@Açores’ foi dinamizada pelo Gabinete de Promoção do Programa-Quadro de Investigação e Inovação Horizonte 2020 com o objetivo de discutir, de forma interativa, aspetos relevantes na preparação de candidaturas, assim como o novo programa-quadro Horizonte Europa.

O evento contou com a presença dos representantes das estruturas de apoio e dos principais ‘stakeholders’ regionais na área da Investigação, Desenvolvimento e Inovação que estão a participar ou a desenvolver propostas no âmbito deste quadro de financiamento europeu.

Com esta iniciativa, que decorreu durante dois dias no NONAGON – Parque de Ciência e Tecnologia de São Miguel, o Governo dos Açores pretendeu sensibilizar os ‘stakeholders’ regionais para as oportunidades de financiamento com potencial interesse para os Açores nos últimos concursos do Horizonte 2020, assim como dar a conhecer o processo de preparação do programa Horizonte Europa, que terá início em janeiro de 2021.

GaCS/GM