Governo dos Açores apresenta o futuro Living Lab Rural da Região em webinar promovido pela Comissão Europeia
DATA: 5 Junho, 2020 | HORA: 14:55

O Governo dos Açores, representado pelo Fundo Regional para a Ciência e Tecnologia (FRCT), apresentou o futuro Living Lab Rural da Região, num webinar intitulado “Ganhar inspiração através dos exemplos”, promovido pela Comissão Europeia na sequência dos eventos dedicados ao desenvolvimento da Parceria em Living Labs de Agroecologia e Infraestruturas de Investigação.

Este Living Lab Rural está a ser criado no âmbito do projeto LIVERUR, do qual o FRCT é parceiro, e está a ser desenvolvido o piloto no TERINOV – Parque de Ciência e Tecnologia da Ilha Terceira, futura base do Living Lab Rural dos Açores, em estreita articulação com a Direção Regional da Agricultura.

Hoje, foi apresentado o Living Lab Rural dos Açores e os seus objetivos para os próximos 6 meses, como também uma perspetiva de utilizador/inovador da Cooperativa de produtos orgânicos – BioAzórica, perante uma audiência que conta com representantes de entidades financiadoras de Ciência de toda a Europa e que está a preparar o caminho para o próximo Programa-Quadro Horizonte Europa.

De acordo com o Presidente do Fundo Regional para a Ciência e Tecnologia, “os Living Labs Rurais contribuem para a formação de ecossistemas regionais de inovação vibrantes, nos quais o utilizador final tem um papel central no processo de inovação.”

Os Living Labs são definidos na plataforma S3 de Especialização Inteligente como “ecossistemas de inovação aberta, centrados no usuário, com base numa abordagem sistemática de cocriação, que integra processos de investigação e inovação em comunidades pequenas e com configurações da vida real.”

Bruno Pacheco salientou ainda que a abordagem de Living Lab Rural permite a validação de produtos ou serviços inovadores num ambiente real, antes da entrada efetiva no mercado, diminuindo, dessa forma, o risco da inovação.

O projeto LIVERUR visa modernizar os pequenos e médios negócios rurais Europeus. O projeto introduziu o conceito de Investigação de Living Lab aplicado às Pequenas e Médias Empresas Agrícolas, analisou os modelos de negócio existentes nas diversas regiões envolvidas; desenvolveu um novo modelo de negócio que engloba conceitos como Economia Circular, Living Lab e o Contexto real de cada uma das 13 regiões piloto.

A partir do mês de setembro o Living Lab Rural piloto dos Açores, localizado no TERINOV, na ilha Terceira, vai estar a decorrer e aberto a qualquer investigador, inovador ou empreendedor que pretenda validar o seu serviço ou produto no ecossistema.

  • Fotos