As empresas a concurso dos Açores para o programa de Internacionalização do projeto INTERREG FIMAC passaram à fase final
DATA: 11 Abril, 2019 | HORA: 11:26

O Fundo Regional para a Ciência e Tecnologia felicita os promotores dos sete projetos selecionados no concurso Digital Innovation Challenge, feito no âmbito do projeto FIMAC para a aceleração das PME da Macaronésia através das tecnologias de Internet do futuro.


A Aula Magna da Faculdade de Economia, Administração e Turismo da Universidade de La Laguna recebeu no passado dia 4 de abril o referido evento, que se centrou na análise das estratégias de inovação digital, e do qual saíram sete projetos vencedores, incluindo os apresentados pelas empresas açorianas Tetrapi – Creative Solutions e pela parceria entre a Custom Project e a Cereal Games.

A cerimónia de abertura contou com as intervenções de Jordi Pérez Camacho, Conselheiro de Promoção Económica, Comércio e Emprego do Cabildo de La Palma; Gonzalo Piernavieja, vice-ministro da Indústria, Energia e Comércio do Governo das Ilhas Canárias; e Julio Brito, gerente da Fundação Geral da Universidade de La Laguna.

O programa contou com a introdução do conceito do Digital Innovation Hub, que tem como alicerce a aplicação de iniciativas para promover negócios economicamente sustentáveis nas áreas prioritárias de cada região através do uso de recursos digitais. No programa também houve espaço para serem apresentados diversos projetos na temática das Smart Cities e no qual a Câmara Municipal da Lagoa teve a oportunidade de mostrar a todos os participantes os seus projetos de melhoria administrativa, de melhoria da mobilidade e de melhorias no município para os seus cidadãos.

A sessão da tarde foi focada no campo do empreendedorismo digital, com o FIMAC Project Pitch. Esta secção destinava-se à melhoraria da competitividade das empresas e foi organizado um pitch de sete minutos, realizado pelas 16 PMEs da região macaronésia, no qual foram apresentadas as suas ideias e o estado de desenvolvimento dos projetos perante um júri multidisciplinar. As empresas participantes tiveram formação e consultoria nos últimos meses para implementarem a tecnologia FIWARE.

Mais tarde, o júri composto por Julio Brito Santana, gerente da Fundação Geral da ULL; Jesús de la Maza, presidente do Grupo Innovalia; Laura Paz, conselheira de emprego do Cabildo de La Palma; Clara Ganhão, pertencente à Câmara Municipal da Lagoa – Açores; David Almeida da Câmara de Comércio e Indústria de Ponta Delgada; David Aveiro, membro do Instituto Madeira Interactive Technologies; e Iris Cueva membro do HOPU; fez uma seleção das empresas que irão passar para uma segunda fase que se centrará na internacionalização. O júri confirmou a qualidade destas ideias inovadoras após a seleção de dois projetos pertencentes aos Açores, um para a ilha da Madeira e quatro para as Ilhas Canárias. As empresas selecionadas foram: Tetrapi Creative Solutions, Cereal Games e Custom Project, Saúde Motriz, Graffos, Técnicas Competitivas, Mecatrónica Submarina e MNX Online.

Bruno Pacheco, presidente do Fundo Regional para a Ciência e Tecnologia e Diretor Regional da Ciência e Tecnologia atesta estar “muito orgulhoso da prestação das empresas açorianas a concurso” e destaca “o potencial que as PMEs das regiões ultraperiféricas dos Açores, Canárias e Madeira podem atingir graças às tecnologias do futuro”. “É impressionante e gratificante ver a evolução do projeto FIMAC na medida em que estamos a testemunhar o crescimento de projetos inovadores, com especial enfase e orgulho nas empresas açoreanas a concurso”.

A ação realizada no passado dia 4 de abril está incluída nas atividades que estão a ser realizadas no projeto FIMAC, financiado pelo FEDER no âmbito do programa INTERREG MAC 2014-2020 da Comissão Europeia e que conta com a liderança do Cabildo Insular de La Palma.

  • Fotos