Projetos

Rui Miguel dos Santos Mendes Carvalho
An integrative approach to evaluate the impact of nature touristic trails on biodiversity
Area of RIS3: Turismo
Unidade de I&D: Grupo da Biodiversidade dos Açores (GBA-cE3c)
E-Mail: rui.m.carvalho@gmail.com
Estado: ongoing
Objetivos:

“Na maioria dos casos, a identificação de espécies de macroalgas com base apenas em características morfológicas é um processo moroso e ineficaz, superado apenas por evidências genéticas. Uma vez que muitas das macroalgas da Região Autónoma dos Açores (RAA), com interesse para aquicultura, carecem de identificação genética, a introdução de espécies exóticas poderá passar despercebida e contaminar geneticamente as populações naturais com perda de património genético açoriano. Pretende-se desenvolver um protocolo genético que permita uma resposta em tempo útil para fiscalização, licenciamento e autenticação de produto, bem como disponibilizar uma base de dados das Espécies Autóctones com maior Potencial de Cultivo (EAPC). Esta base de dados disponibilizará informação relevante para o estabelecimento de uma aquicultura sustentável na RAA, incluindo dados específicos relativos à sua aplicação, ciclos de vida, métodos de exploração, composição bioquímica, etc. A presente proposta visa também desenvolver estudos biotecnológicos de bioprospecção de novos recursos e de derivados, passíveis de exploração, bem como, contribuir com dados de biodiversidade, melhoramento do conhecimento científico e da literacia dos oceanos.”